Super clássico da Copa de 2014!

Bem, amigos da Rede de Bobos pela Televisão, falamos ao vivo de mais um estádio superfaturado, onde acontece hoje esse incrível clássico que está fazendo a cabeça de todos. É o grande acerto de contas entre Brasil e a Copa do Mundo de 2014. Até aqui, foram dezenas de partidas, e a Copa levou absolutamente todas. Será que hoje o Brasil reage?

De um lado, temos o povo. Torcedor grita alto, pede mais, conta os dias para chegar, imita os jogadores, comemora quando seu time local ganha um estádio exclusivo, e faz a festa por aqui. No outro, os hospitais, escolas, estradas, salário mínimo e tantas outras instituições brasileiras, que vêm tímidos, seguindo roucos e cabisbaixos, porém ainda carregando a bandeira de sua nação em prol de um país melhor.

 

Foto: reprodução

Foto: reprodução

 

Não vai ser fácil! A Copa vem reforçada de investimentos bilionários, estádios gigantescos que não só custam para serem construídos, como também custarão e muito aos cofres públicos para serem mantidos. Conta também com a incrível participação do ingresso caríssimo, que vai ser só pra gringo, e vai frustrar muito brasileiro que tá doido pra ver o jogo aqui, caindo por terra na hora certa, o argumento de que isso também é diversão para o país. Isso sem falarmos nas interferências internacionais, na proibição do acarajé, no salário milionário dos técnicos e do time, na sinalização exemplar que falta em qualquer rua, no conforto que falta em qualquer casa e na segurança que falta em qualquer cidade. A Copa vem com tudo mesmo pra cima do Brasil.

Já o Brasil vem capengando, apesar de ainda parecer bonito para as divisões internacionais por ser o “dono da casa”. Mas com o time completamente defasado, segue com os hospitais sem leitos e sem médicos (ou com médicos que faltam aos turnos), estradas esburacadas, cadeias superlotadas de ladrão de galinha sem o menor indício de nenhum direito humano, enquanto grandes ladrões seguem no comando, e mais uma vez com crimes em todas as capitais.

 

Foto: reprodução

Foto: reprodução

 

É um confronto complicado entre muito dinheiro gasto para politicagem, diversão dos ricões e prostíbulo dos gringos, e o salário indecente dos professores, dos trabalhadores em geral, da seca absurda do nordeste e das terríveis enchentes do sul. A força da mídia contra o esquecimento do norte e centro-oeste, além de claro, aquela negligência típica desse país imenso, que está ligado aqui com a gente!

A rivalidade sempre existiu, a gente sabe, mas para essa partida, espera-se mesmo um clima tenso, gerado pela falta da educação, saúde e segurança pública, e desrespeito à população. Enquanto a Copa diminui seus índices de exigência, já mostrando um péssimo país lá pra fora, o Brasil protesta, coleta assinaturas, movimenta-se nas redes sociais, sai em solidariedade às tragédias e perdas, e mesmo assim o resultado é um só. Pode isso, Arnaldo?

O Brasil insiste em dizer que acredita no esporte como forma de inclusão, como atividade que pode alavancar as condições de muitos brasileiros e até mesmo como lazer de seu povo. Mas sabe muito bem que sem seus principais jogadores, pra quê participar de uma competição como essa? Se depois que tudo passar, vai voltar às mesmas filas de atendimento médico, aos mesmos problemas financeiros, às mesmas causas de morte que afligem a população, parece até injusto que a Copa insista em competir.

Mas mesmo com tudo isso, a graça é essa: é ver esse povo gritando a favor da Copa, torcendo, emocionado, feliz, achando que vai ser a melhor experiência que já viveram. É esse grito forte que é dado a cada domingo, mas que é calado no resto todo da semana. É essa emoção de saber que pode se unir tanta gente por causa de um jogo, mas não pode se unir esse mesmo tanto de pessoas para as causas nacionais. Isso, amigo… Não tem preço! Os milhões de patrocínio, ingresso, estacionamento e serviços até têm… Mas o povo não vai ver mesmo…

Então fique ligado conosco, que depois de nossas cinco novelas, e três programas vazios de auditório, voltaremos em definitivo para você acompanhar de perto esse jogão que tem tudo pra deixar todo mundo feliz, e o país em ruínas. A gente volta sempre! Bobos! A gente vê por aqui!

Anúncios

4 pensamentos sobre “Super clássico da Copa de 2014!

    • Obrigada Eliane! Com os compartilhamentos e comentários de vocês, podemos ir longe! Muito obrigada pelo apoio que estão me dando!

  1. O melhor de tudo é a Fifa ganhando milhões, mas não tem coragem de pagar um centavo para os jovens que, trabalharão mais que contratados, e não ganharão NADA, nem mesmo o direito de assistir aos jogos.

Deixe seu recado após o sinal. Beep!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s